A falta que as olimpíadas fazem

Eu gosto bastante das olimpíadas. Adoro. Há algo na estética de um ritual periódico — que une todos os povos para uma comunhão pacífica — que muito me atrai. Os sonhos de cooperação global, ajuda mútua, resolução não violenta dos conflitos, fraternidade universal... se reavivam cada vez que ouço o hino olímpico tocar. Sim, muito … Sigue leyendo A falta que as olimpíadas fazem

Pelo direito a um cabelo merda

Ainda hei de expor em detalhes minha brilhantíssima tese sobre as maquinações postas em prática pela estética moral e sua cura: a estética do absurdo. Entretanto, porém, contudo, todavia, nem estás tu, pacato leitor, apto a interpretar corretamente tal obra e captar suas finas consequências e implicações; nem eu, assumo, a tenho toda elaborada. Enquanto … Sigue leyendo Pelo direito a um cabelo merda

O prazer de servir

Eu pesquiso. É o meu trabalho. Não sobre a cura do corona ou ciência política (embora tenham sido os meus principais interesses ultimamente), mas sobre química. Não a química ultra-super-hiper-mega-blaster-tech de aceleradores de partícula e detecções de átomos que são estáveis por menos de um milésimo de segundo, não. Eu também não estudo mecanismos de … Sigue leyendo O prazer de servir

Saudade de um governo de verdade, né, minha filha?

Lula e Serra brincam no lançamento da campanha de vacinação contra gripe. SP vacina 300 mil pessoas contra a gripe em 3 horas neste sábado. Eu não pretendo que esse blog seja sobre política e atualidades (para isso já existe o excelente Medo e Delírio em Brasília). Na verdade, a ideia inicial era despejar as … Sigue leyendo Saudade de um governo de verdade, né, minha filha?

A habilidade mais importante para um leitor

Esse ano eu me meti a ler "os grandes clássicos contemporâneos", ou seja, aqueles livros que fazem as pessoas quererem me esmurrar quando eu digo que nunca li. Por exemplo, O Hobbit e Senhor dos Anéis e os sete Harry Potters. Aconteceu uma coisa engraçada no caso específico do Harry Potter que me ensinou uma … Sigue leyendo A habilidade mais importante para um leitor

A academia tem muitos técnicos e poucos cientistas

Qual não foi a minha surpresa ao descobrir que o meu orientador de IC não sabia o que era uma meta-análise. A decepção foi enorme para mim, que tinha mergulhado de cabeça na romantização d'O Cientista. Como assim este nobre cavalheiro portador de sabedoria ímpar e reconhecido pelo ministério e por seus colegas como excelente … Sigue leyendo A academia tem muitos técnicos e poucos cientistas